Etc.

Corrigindo automaticamente o aspect ratio no DOSBox

Uma das coisas que levo em consideração para uma emulação mais agradável de jogos antigos é o uso — quando possível — de uma TV de tubo. Não há nada mais bonito que um game clássico no brilho de uma CRT. Isso serve para consoles, micros e arcades.

Parto da filosofia de que games antigos foram feitos para TVs/monitores antigos e games novos foram feitos para TVs/monitores novos. Quando você coloca um no outro e o outro no um, dá até pra jogar, mas perde um pouco do encanto. No caso dos arcade games clássicos, por exemplo, títulos como Double Dragon, R-Type, Robocop, Black Dragon, ESP Ra.De., TMNT, Tiger Road, Fighting Fantasy, Magic Sword, Golden Axe e mais um monte deles ficam absurdamente lindos numa TV CRT.

Mas há outro fator que também levo muito em conta na hora de buscar uma experiência de emulação mais prazerosa: a proporção de tela (ou aspect ratio). Nada de jogo esticado ou encolhido. Se o aspect ratio do jogo é o 4:3 — proporção de tela conhecida como “janela clássica”, que é muito usada na televisão tradicional e em muitos monitores de computador —, vamos buscar reproduzir isso. Se ele foi concebido para 16:9, que assim seja. O que fica feio é rodar um jogo 4:3 esticado no seu monitor widescreen, ou ver um jogo que é “superwide” espremido na tela quase quadrada da sua TV antiga (a não ser que você não tenha outra televisão em mãos. Estamos falando aqui apenas de uma melhor experiência de emulação).

Por exemplo, veja como fica abaixo a tela inicial do jogo Raptor, do DOS, com a proporção de tela correta e incorreta.

Corrigindo automaticamente o aspect ratio no DOSBox | RetroBased

Raptor com aspect ratio errado

Corrigindo automaticamente o aspect ratio no DOSBox | RetroBased

Raptor com proporção de tela correta

Se você também curte jogos de DOS e costuma usar o emulador DOSBox, é fácil configurá-lo para corrigir automaticamente o aspect ratio. No caso usarei como exemplo a versão do DOSBox para Windows.

Por padrão, o config do DOSBox traz a opção de correção automática de aspect ratio desabilitada. O que vamos fazer é habilitar essa opção. Para isso — e supondo que você já tenha o emulador instalado e saiba manuseá-lo —, basta abrir a pasta do emulador no seu computador e depois abrir o atalho “DOSBox 0.74 Options”. Você pode fazer isso também clicando no menu inicial, rolando a tela até o ícone do DOSBox e abrindo o mesmo atalho.

Corrigindo automaticamente o aspect ratio no DOSBox | RetroBased

O atalho irá chamar o Notepad (Bloco de Notas) já com o arquivo de configuração aberto (no caso, dosbox-0.74.conf), que é um arquivo de texto. Já nele, localize a propriedade “aspect” e mude seu valor para “true”. Ou seja, a linha que antes era “aspect=false” passa a ser “aspect=true”.

Corrigindo automaticamente o aspect ratio no DOSBox | RetroBased

Depois, salve o arquivo de configuração, feche-o e execute o DOSBox. Veja abaixo algumas telas de antes e depois, e perceba que esse pequeno detalhe contribui para deixar a emulação mais próxima do proposto.

Corrigindo automaticamente o aspect ratio no DOSBox | RetroBased

Doom com proporção errada

Corrigindo automaticamente o aspect ratio no DOSBox | RetroBased

Tela inicial de Doom com proporção correta

Corrigindo automaticamente o aspect ratio no DOSBox | RetroBased

Doom com aspect ratio errado

Corrigindo automaticamente o aspect ratio no DOSBox | RetroBased

Doom com aspect ratio correto

Corrigindo automaticamente o aspect ratio no DOSBox | RetroBased

Prince of Persia com proporção de tela incorreta

Corrigindo automaticamente o aspect ratio no DOSBox | RetroBased

Prince of Persia com proporção de tela correta

Algumas versões do DOSBox para dispositivos móveis, como o aDOSBox do Android, já facilitam esse trabalho trazendo uma opção de menu para habilitar ou desabilitar a correção de aspect ratio, não exigindo abrir um arquivo de configuração. Dúvidas? Sugestões? Deixe um comentário aí embaixo. Sempre que possível, vou procurar abordar essa questão do aspect ratio em tutoriais sobre emulação.

Carioca, jornalista, empreendedor e nerd. Amante de games e de retrocomputação. Editor do site RetroBased e proprietário da loja virtual Retro Mall. No YouTube, faz resenhas de itens ligados a micros antigos, consoles clássicos e retrogames.
Comentários
T o p o